terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Lula's Brazil

[s/i/c]

Os Anos Lula

Cabem não poucas ressalvas, emendas, mas conforma um painel abrangente dos anos de Lula no poder, seu legado, seu alcance, seus contratempos, um ensaio de Perry Anderson no London Review of Books.
Há alguns acertos. Por exemplo, citar o historiador da literatura Antonio Candido como "uma pedra de toque intelecto-moral da esquerda". Mas não é exagero dizer que Roberto Schwarz, a despeito de um bom ensaísta e crítico literário, seja "the finest dialectical critic anywhere in the world since Adorno"? Ou que o Cidade de Deus, livro de Paulo Lins, haja sido espoliado pelo comercialismo do filme homônimo de José Padilha, quando se sabe que provavelmente não há uma maior defasagem de um para outro? Ou ainda não há uma sorte de superdimensionamento da Revista Piauí? Ou, de resto, pouca investigação ou aprofundamento do tremendo impacto das novas mídias no processo de transformação do país - algo que, sem embargo, é levado em conta por um historiador como Hobsbawm, ao analisar revoltas da classe-média em diversas metrópoles ao redor do globo?
Relativizando, ressalvando, discordando ou não do que está proposto por Perry Anderson, seu ensaio constitui possivelmente um dos mais agudos textos sobre o Brasil publicados no exterior este ano.


*   *   *

Nenhum comentário:

Postar um comentário